O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, reinaugurou ontem (28/08) o Banco Municipal de Alimentos Maria Marques Burian, em cerimônia que contou com a presença de diversas autoridades políticas e religiosas, além de produtores rurais, representantes de entidades assistenciais, imprensa e público em geral.

Um dos objetivos do programa é o combate ao desperdício de alimentos atendendo a demanda de alimentação de 16 instituições sociais conveniadas à Prefeitura. Os alimentos arrecadados serão distribuídos entre entidades e organizações que assistem pessoas que necessitam de auxílio para assegurar seu direito básico à alimentação.

O Banco Municipal de Alimentos também terá como prioridades ações socioeducativas tais como palestras, cursos e orientações nutricionais.

O secretário de Desenvolvimento Social e Cidadania, Jonas Fontes, explicou que o Banco de Alimentos é um importante equipamento para a estruturação da Política de Segurança Alimentar e Nutricional de Caraguatatuba. “Receberemos os produtos dos supermercados e distribuiremos às entidades sociais do município para consumo próprio. O apoio do prefeito Aguilar Junior foi fundamental na realização deste sonho”.

O secretário lembra que  o Banco de Alimentos foi implantado em 2008 e desativado no ano seguinte com a mudança de administração. “Mas na vida tudo tem uma hora certa. Hoje, o que podemos ver é que o Banco de Alimentos se tornou um projeto de gente grande e estamos muito satisfeitos com tudo isso”.

Os doadores poderão ser supermercados varejistas e atacadistas do município, podendo ser estendido para cidades vizinhas. As parcerias serão concretizadas por meio de contratos, assegurando receptor e doador.

A coordenadora do Banco de Alimentos fez uso da palavra para agradecer o prefeito e a toda a equipe que trabalhou na reimplantação do programa. Segundo ela, será inserido no local o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

“Isso é uma ação do Governo Federal para colaborar com o enfrentamento da fome e da pobreza no Brasil e, ao mesmo tempo, fortalecer a agricultura familiar. Para isso, o programa utiliza mecanismos de comercialização que favorecem a aquisição direta de produtos de agricultores familiares ou de suas organizações, estimulando os processos de agregação de valor à produção”, ressaltou.

A presidente do Fundo de Social de Solidariedade, Samara Aguilar, também presidirá o Banco Municipal de Alimentos. Durante o evento, ela emocionou o público com palavras que traduzem o espírito da iniciativa: “Que Deus possa sempre voltar nossos olhares a quem realmente precisa”.

O prefeito Aguilar Junior lembrou que o Banco do Povo foi implantado durante a administração de seu pai, José Aguilar Pereira. “E a reimplantação desse grande programa foi um dos primeiros itens de nosso plano de governo. Por isso, é com grande satisfação que hoje, estamos aqui, comemorando mais um compromisso que se torna realidade”.

Cresans

O prédio do Banco Municipal de Alimentos receberá também o Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Cresans), que é um instrumento público comunitário da Política de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável do Estado de São Paulo, e tem como objetivo contribuir para a aliança entre o poder público e a sociedade civil no combate à insegurança alimentar, com melhor aproveitamento dos alimentos, controle de peso, avaliação nutricional, além de oferecer cursos de geração de renda.

Serviço

Banco Municipal de Alimentos

 Avenida Ministro Dilson Funaro, 287, no bairro Jardim Britânia, em Caraguatatuba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *