Consórcio Circuito Litoral Norte discute medidas para frear o turismo de um dia

As ações traçadas pelos municípios têm o objetivo de promover a qualidade do turismo na região

O Consórcio Intermunicipal Turístico Circuito Litoral Norte reuniu representantes das Secretarias de Turismo das cidades de Ilhabela, São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba, nesta quarta-feira (23), para debater medidas de melhoria para o setor.

Com o intuito de coibir o turismo de um dia, os representantes do consórcio planejaram ações para promover o turismo de qualidade. Uma das medidas que já estão sendo colocadas em prática pelos municípios é a fiscalização dos ônibus de turismo, bem como o aumento significativo das taxas e a quantidade desses veículos que adentram o litoral.

Outro assunto discutido foram as ações entre a divisa do continente e o arquipélago. A Administração de Ilhabela solicitou a colaboração efetiva da Prefeitura de São Sebastião para proibir o acesso da área do centro e região portuária, aumentar a taxa de estacionamento e destinar os ônibus turísticos para o balneário dos trabalhadores, na Praia Grande. “Esses ônibus não entram em Ilhabela, pois não têm permissão da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, então as pessoas descem e atravessam a pé. Solicitamos a colaboração de São Sebastião para dificultar e encarecer esse tipo de turismo”, afirma o secretário Ricardo Fazzini.

“Esse segmento aumentou com a facilidade das vendas de passeios pela internet, sendo alguns deles predatórios. Por isso precisamos de ações para regulamentar o setor para ter qualidade no turismo da região”, explica o secretário executivo do Conselho, Gustavo Carvalho.

O órgão, criado no ano passado, foi formalizado como pessoa jurídica e possui convênio com o Ministério do Turismo para investimentos no Litoral Norte. Um dos planejamentos do Consórcio é criar um observatório para controlar o público que frequenta as cidades.

O prefeito de Ilhabela, Márcio Tenório, que é presidente do Conselho Administrativo, já oficiou a Prefeitura de São Sebastião requerendo as mudanças que irão fortalecer o setor em todo o Litoral Norte. “Essas ações solicitadas irão contribuir para a qualidade do turismo em Ilhabela”, conclui Tenório.

Deixe uma resposta