Filhote de Tamandúa-Mirim é entregue para a Polícia Ambiental em Caraguatatuba 

A mãe do filhote foi morta por um cachoro e o filhote foi salvo por um morador 

A Polícia Militar Ambiental de Caraguatatuba recebeu um filhote de animal da fauna silvestre da espécie Tamanduá-Mirim, na noite desta quarta-feira (28/10). O filhote foi encontrado em uma das ruas de Caraguatatuba, ao lado da sua mãe que foi morta por um cachorro, o homem que conseguiu salvar o filhote de Tamanduá realizou a entrega no plantão da Polícia Ambiental.
O animalzinho foi entregue na manhã de hoje para Fundação Animalia localizada no município de São Sebastião, onde ficará em observação até poder voltar para seu habitat natural.

Entrega Voluntária

Pessoas que criam animais nativos da fauna silvestre, sem autorização do órgão ambiental competente, podem realizar a entrega voluntária e não serão punidas pelo crime.
Se optarem por não realizar a entrega voluntária, e forem fiscalizadas, poderão ser multadas e responder criminal e administrativamente. As multas são de R$ 500 reais se não estiver ameaçada de extinção e R$ 5.000 mil por espécime apreendida estiver ameaçada de extinção, estes valores são aumentados em caso do animal estiver em situação de maus tratos.

Deixe uma resposta