Litoral Norte recebe 628 policiais para a temporada de verão

A Operação Verão Mais Seguro 2020/2021 da Polícia Militar começou nesta segunda-feira (21/12) e segue até o dia 17 de fevereiro de 2021. Ao todo, 220 policiais vão reforçar a segurança em Caraguatatuba no período. O lançamento da operação ocorreu na manhã desta segunda-feira (21), no Teatro Mario Covas, no Indaiá.

O objetivo da Operação Verão Seguro 2020/2021 é a manutenção da ordem pública através da mitigação do cometimento de delitos, riscos de acidentes de trânsito e saúde pública em tempos de pandemia.

A cerimônia contou com a participação do prefeito Aguilar Junior; do comandante do Comando do Policiamento do Interior Um (CPI-1), coronel PM Dinael Carlos Martins; do comandante do 20º Batalhão da Polícia Militar do Interior/I (20ºBPM/I), tenente coronel PM André Luiz Paes; do comandante da 2ª Cia da Polícia Militar do 20° BPM/I, capitão PM Adriano Alves Diniz; e do secretário de Serviços Públicos e do Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, Marcel Giorgeti; além de oficiais e praças da Polícia  Militar.

O prefeito Aguilar Junior disse que na temporada Caraguatatuba passa de 121 mil habitantes para uma população com 500 mil pessoas. “Vocês são muito importantes juntamente com todo time da 2ª Cia do 20º BPM/I para garantir a lei e a ordem nesse momento extremamente difícil porque ainda estamos passando pela pandemia. Enquanto prefeito, tenho que fazer esse equilíbrio entre manter a vida, salvar vidas e garantir que o comércio continue trabalhando, gerando emprego e renda”, avalia.

De acordo com o comandante do 20º Batalhão da Polícia Militar do Interior/I (20ºBPM/I), tenente coronel PM André Luiz Paes, o efetivo de 220 PMs vem somar no policiamento ostensivo, preventivo e repressivo imediato em Caraguatatuba. “Nessa época, nossa população cresce cinco vezes em todo o Litoral Norte, indo de 1,5 milhão a 2 milhões de pessoas ao longo do período da Operação Verão. Há o pessoal flutuante que fica aqui por um tempo e aqueles que vão e voltam no final de semana”, recorda.

O comandante do Comando do Policiamento do Interior Um (CPI-1/RM Vale), coronel PM Dinael Carlos Martins, pediu empenho do efetivo da Operação Verão. “Não é fácil o trabalho dos senhores, vocês vêm para uma região diferente que não conhecem bem por isso é necessário ouvir dos comandantes, sargentos e da tropa que trabalha aqui, quais são as necessidades, as dificuldades, onde e como devem atuar. Sejam profissionais, obedeçam às normas, os procedimentos operacionais, seu comando e vocês terão sucesso”, recomendou.

Ao final da cerimônia de lançamento, a Prefeitura doou sete bicicletas à 2ª Cia da PM para auxiliar na atividade delegada. A operação é uma parceria entre 20º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) e a Prefeitura de Caraguatatuba, por meio de um convênio com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo. Cabe à Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão, o auxílio com moradia e alimentação dos PMs que vão trabalhar na cidade.

Ao todo, a região recebeu o reforço de 628 policiais de todo o Estado de São Paulo, incluído o apoio de 93 viaturas. A maior parte dos policiais vai trabalhar de 21 de dezembro a 3 de fevereiro, considerado o período de mais fluxo de turistas. Após, 105 ficam até o dia 17 de fevereiro, ou seja, após o Carnaval. Dois helicópteros Águia da Polícia Militar também estão na região para atender as quatro cidades do Litoral Norte.

Corpo de Bombeiros

Caraguatatuba também recebeu o reforço de mais 16 policiais militares do Corpo de Bombeiros para atuar na alta temporada.  Ao todo, 45 bombeiros recém-formados trabalharão no Litoral Norte no até fevereiro. A cerimônia de lançamento da Operação do Corpo de Bombeiros ocorreu nessa segunda-feira (21), na sede 4º Subgrupamento do 11º Grupamento de Bombeiros Militar, no Indaiá.

O evento contou com a presença do prefeito Aguilar Junior; do tenente coronel Carlos Alberto de Camargo Junior, comandante interino do Comando de Bombeiros do Interior 2 (CBI-3); do Major PM Fabrício Lemos, comandante interino do 11º Grupamento de Bombeiros Militar; capitão PM Newton Kruger Júnior, comandante do 4º Subgrupamento do Corpo de Bombeiro; e do secretário municipal de Serviços Públicos e do Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, Marcel Giorgeti.

O capitão PM Newton Kruger Júnior, comandante do 4º Subgrupamento do Corpo de Bombeiro, disse que cada Operação Verão tem sua particularidade.

“Essa está no meio do maior marco divisor de águas da atualidade, que é a pandemia da Covid-19. O mundo nunca mais será o mesmo. Vocês são todos soldados PM de 2ª Classe recém-formados, passaram por horas e horas de estágios operacionais e estão dando aqui os primeiros passos fora da escola de formação na vida de servidor público. Vocês estão pisando no solo da cidade que deu origem as ações de Defesa Civil no Estado, com a Catástrofe de 1967. Nesse mês começou o Plano Preventivo de Defesa Civil (PPDC), já que as chuvas são mais intensas na época de verão proporcionando alagamento e escorregamentos. Então é nesse cenário que vocês estão inseridos”, destacou.

O prefeito Aguilar Junior disse que o Corpo de Bombeiros é de extrema importância para a Operação Verão. “A população do nosso Litoral Norte chega a multiplicar em até cinco vezes nos próximos dias. A nossa responsabilidade também aumenta, seja da Prefeitura, do Estado, da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Temos que garantir a lei, a ordem e sempre servir ao próximo”, conclui.

Deixe uma resposta