Policiamento Ambiental resgata aves em situação de maus-tratos em São Sebastião

A Polícia Militar Ambiental resgatou nesta segunda-feira (17/05), sete aves silvestres em cativeiro no bairro Cambury na Costa Sul de São Sebastião. O resgate aconteceu durante ‘Operação Interior Mais Seguro’, com vistas para crimes ambientais cometidos no Litoral Norte. O proprietário recebeu uma multa de R$ 21.500,00.

De acordo com a PM, o proprietário franqueou o acesso da equipe ao local onde as aves se encontravam para realizar a fiscalização. Foi verificada a existência de 07 aves silvestre em cativeiro, sendo 01 coleirinho (papa-capim) acondicionado em gaiola individual e 06 canários da terra acondicionados em duas gaiolas, ambos sem anilhas e sem autorização do órgão competente.

Fotos: Polícia Militar Ambiental

A gaiola encontrava-se em situação precária de higiene, constatada pelo acumulo de fezes em várias pilhas, indicando que a limpeza não é realizada há semanas, assim como os bebedouros apresentavam excesso de musgo e água turva, não sendo substituída com frequência, e também grande acumulo de sujeira nos assoalhos das gaiolas, tais como cascas de ração, restos de frutas em decomposição e ração espalhada por toda a gaiola, somando assim várias evidências de maus-tratos.

Diante dos fatos foi elaborado o auto de infração ambiental com fulcro no artigo 25, § 3º, III,  “por ter em cativeiro aves silvestres sem autorização do órgão ambiental competente” e artigo 29 ambos da resolução SIMA 05/21 “por praticar ato de maus tratos a animais silvestres”, com valoração de multa de R$ 21.500,00. Todas as aves serão destinadas ao CETAS Fundação Animália.

Deixe uma resposta