Anvisa suspende vacinação em grávidas e puérperas

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou ontem (10), a suspensão imediata da aplicação da vacina Astrazeneca/Fiocruz em gestantes e puérperas.

A Prefeitura de Caraguatatuba iria iniciar a vacinação contra a Covid-19 em gestantes e puérperas maiores de 18 anos com comorbidades nesta terça-feira (11), justamente com as doses da vacina Astrazeneca, enviadas pelo governo estadual.

Segundo a Anvisa, “a bula atual da vacina contra Covid da AstraZeneca não recomenda o uso da vacina sem orientação médica”.

Agora, o município aguarda o pronunciamento do Estado para saber como irá proceder com a imunização desses grupos.

Deixe um comentário