Comitê da Prefeitura de Ubatuba discute novas ações frente à crise de Covid-19

Volta às aulas, atendimento a síndromes gripais e novo decreto foram pontos de pauta

A prefeita de Ubatuba, Flávia Pascoal (PL), participou na tarde de quinta-feira, 14, da primeira reunião do novo Comitê de Gerenciamento de Crise frente ao Covid-19, instituído pelo decreto número 7530, de 7 de janeiro de 2021.

 A pauta do encontro incluiu a discussão sobre o novo decreto municipal, a volta às aulas e ações da secretaria de Saúde. Participaram da reunião representantes das secretarias de Saúde, Educação, Esportes, Comunicação, Turismo e Assuntos Jurídicos.

 Um novo decreto municipal será divulgado após coletiva de imprensa do governo estadual e anúncio sobre situação epidemiológica de Ubatuba. Entre as possíveis medidas de contenção de aglomerações, foram citadas adoção de restrições no horário de funcionamento de serviços não essenciais, na capacidade de ocupação de estabelecimentos comerciais, na entrada de vans de um dia e no transporte em escunas.

Volta às aulas

O comitê avaliou quais seriam as condições necessárias para o retorno às aulas presenciais e detectou que, além de faltar insumos como máscaras infantis, papel toalha e álcool em gel, são necessárias estratégias para garantir a participação de alunos que não têm condições de acesso à internet e que convivem com familiares que têm algum fator de risco (idade e comorbidades, entre outros).

 Foi solicitado à secretaria de Educação que elabore projeções de atividades considerando diferentes cenários, bem como o calendário de vacinação e também uma modalidade híbrida – com aulas presenciais e virtuais. Para isso, as secretarias de Educação e de Tecnologia da Informação trabalharão no aperfeiçoamento e conteúdo do Centro de Mídias Municipal.

 A Vigilância em Saúde destacou que Ubatuba se encontra no pior momento epidemiológico desde março, com 3.207 casos confirmados de Covid-19, 52 óbitos e 17 pessoas internadas (dados de 14 de janeiro). Do total de confirmados, há 215 casos entre crianças e adolescentes, nas faixas etárias que vão de menos de 1 ano até os 19 anos.

 A Vigilância Sanitária alertou que a eventual volta às aulas presencial exige ainda intensificação de medidas de desinfecção dos espaços na troca de turnos e alterações no funcionamento da merenda. O assunto voltará a ser discutido em nova reunião do comitê, que acontecerá na próxima semana.

Centro de Atendimento para Enfrentamento à Covid-19

Por fim, a secretaria de Saúde também anunciou que o Centro de Atendimento para Enfrentamento à Covid-19 (CAE) Cícero Gomes funcionará diariamente, inclusive finais de semana e feriados, das 7 às 19 horas. O endereço é rua Batista de Oliveira, 199 – Centro e a entrada é pela av. Prof. Thomaz Galhardo. Serão atendidas no CAE somente pessoas com sintomas gripais.

 Para informações atualizadas sobre a Covid-19, visite a página oficial da Prefeitura de Ubatuba (https://www.ubatuba.sp.gov.br/) ou facebook: https://www.facebook.com/PrefeituraMunicipalDeUbatuba

Deixe um comentário