Prefeitos do Litoral Norte pedem apoio do Estado de SP para operação espacial durante feriado prologado

A preocupação com a possível ‘invasão’ de turistas e veranistas neste feriado prolongado de 7 de Setembro fez com que os prefeitos do Litoral Norte fossem em busca de medidas que possam evitar as aglomerações por conta do contágio da Covid-19. Os prefeitos pedem apoio da Polícia Civil, Militar e Vigilância Sanitária nas ações para evitar a aglomerações nas praias, barreiras sanitária também será realizada durante feriadão.

O prefeito Aguilar Junior encaminhou um ofício ao governador João Dória, onde pede  reforço das polícias Militar e Civil, além da Vigilância Sanitária. Nesta semana, o próprio governador teria solicitado aos prefeitos do litoral paulista que buscassem medidas para evitar o que teria ocorrido no final de semana anterior com as praias lotadas.
No ofício, Aguilar Junior diz reconhecer o afinco do Estado no combate ao novo coronavírus e controle da Covid-19, mas que apesar de todo esforço da administração municipal nas ações preventivas, Caraguatatuba continua registrando um número significativo de pessoas infectadas. Atualmente, são 1.934 casos confirmados no município, dos quais 78 foram a óbito. “Caraguatatuba tem apresentado elevadas temperaturas durante o inverno e, como consequência, vem atraindo turistas das mais diversas regiões do país. Por isso, as autoridades municipais preveem uma intensa movimentação de pessoas no feriado da Independência”.

foto: Divulgação

Ele lembrou, ainda , que os municípios do Litoral Norte possuem número reduzido de leitos hospitalares de isolamento capazes de atender o eventual aumento da disseminação do vírus. Assim, pede que o policiamento se una às equipes de fiscalização da prefeitura de Caraguatatuba na adoção de medidas preventivas. Nesta quarta-feira, secretários de Urbanismo, Saúde, Fazenda, Mobilidade Urbana, Assuntos Jurídicos e Turismo se reuniram para definir estratégias de ações para o feriado prolongado. Uma delas é a proposta de intensa fiscalização nas praias para sol e banho, por isso o reforço do policiamento. Também devem ser realizadas barreiras sanitárias e fiscalização para evitar a descida de transportes clandestinos de turismo.
Os fiscais de Posturas e Comércio intensificam a força-tarefa para o cumprimento de horários de bares, restaurantes, quiosques e feiras livres com o objetivo de evitar aglomerações, bem como reforçar da obrigatoriedade do uso de máscara de proteção facial mesmo dentro dos estabelecimentos, feita pelas equipes da Vigilância Sanitária.
A Prefeitura também deve se reunir com representantes das Associações Comercial e Empresarial, de Quiosques, de Hotéis e Pousadas para que elas atuem junto a seus associados no sentido de cumprirem o Decreto Municipal 1.319 em vigência.

Fotos: Arquivo

Em São Sebastião, o prefeito Felipe Augusto, solicitou ao Governo do Estado reforço do policiamento rodoviário para auxiliar nas ações de bloqueios sanitário educativo que acontecerão na região Norte e Sul da cidade, durante o feriadão da Independência do Brasil. “A expectativa é que mais de 70 mil turistas venham para a nossa cidade. Os bloqueios são necessários pois além da orientação e a desinfecção dos veículos, realizamos a aferição da temperatura de todos os viajantes”, comentou Felipe Augusto.

 

A Prefeitura de Ilhabela, realizará uma força tarefa para manter ações de prevenção à Covid-19, durante o feriado prolongado do aniversário de 215 anos de Emancipação Político-Administrativa do município (3 de setembro) e Independência do Brasil (7 de setembro).

O plano de ação determina que para ingressar no arquipélago será necessário o preenchimento de um termo de responsabilidade, informando a cidade de origem, tempo de permanência, local onde ficarão hospedados e por fim constatar entendimento das devidas normas estabelecidas pelos Decreto Municipais de enfrentamento e prevenção, bem como dos protocolos sanitários relacionados à Covid-19.

As normas apresentadas no termo de responsabilidade são: uso de máscara obrigatório nos espaços públicos e privados, restaurantes encerarão as atividades às 23h e após esse horário somente pedidos por delivery, estão proibidas festas e aglomerações e passeios pela cidade com acompanhamento de guias devem ser realizados com grupos de no máximo seis pessoas.

 Além disso, o município contará com o apoio da polícia militar com duas viaturas e quatro policiais. Já o departamento de fiscalização do município terá pontos de controle espalhados em todas as praias.

Com a retomada gradual das atividades econômicas e turísticas, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Turismo tem ofertado aos trabalhadores e empresários do município, treinamentos e capacitações para recepção dos turistas, além de serem diariamente orientados pelas equipes da campanha “Compromisso e amor com a cidade”, responsáveis por percorrer os estabelecimentos comerciais para lembrar a importância das medidas de prevenção no enfrentamento da propagação do vírus.

O Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A), responsável pela travessia São Sebastião/Ilhabela, informou que os números atuais de passageiros estão equivalentes ao início do ano, antes da pandemia.

O governador João Dória (PSDB), classificou como ponto de preocupação o movimento nas praias e estradas do litoral Paulista no último fim de semana. Além da conscientização da população, ele pediu para os prefeitos ações rigorosas para evitar novas aglomerações nas areias.

Siga todas as normas dos estabelecimentos, respeite a população local. A Prefeitura de Ilhabela conta com sua colaboração.

Deixe uma resposta