Prefeitura de Caraguatatuba e Polícia Ambiental desmontam barraco dentro de APP

Servidores das Secretarias de Urbanismo e Serviços Públicos de Caraguatatuba desmancharam, na manhã desta sexta-feira (3/4), um barraco de madeira a alvenaria que foi levantado dentro de uma Área de Preservação Permanente (APP), no Sítio Colibri, no bairro Cantagalo. A ação foi feita mediante uma parceria com a Polícia Ambiental do Estado. Não havia ninguém no local.

Segundo o secretário de Urbanismo, Wilber Cardozo, a Polícia Ambiental solicitou apoio após a identificação do ranho de madeira construído irregularmente. “Dentro de APP não pode ter nenhum tipo de construção”, alertou.

Em março passado, a parceria foi firmada entre município e estado para definir protocolo de ação em caso de ocupações e construções irregulares.

Dessa forma, conforme os policiais ambientais identificam algum tipo de infração em áreas de conservação, Preservação Ambiental, Parque Estadual, as equipes da Prefeitura são acionadas para dar o apoio logístico na remoção de materiais e mesmo demolição de construções ilegais, tudo isso em, um período máximo de 48 horas.

“Nosso objetivo é prevenir as degradações ambientais, porém, quando elas ocorrerem, que as construções irregulares sejam desfeitas o mais breve possível para que não sejam incentivadas novas degradações e ocorra a efetiva recuperação ambiental”, diz o tenente Jonas Stanich Conde, comandante do Pelotão da Polícia Ambiental de Caraguatatuba.

Deixe um comentário