Assistência Social de Ubatuba prepara ações em torno à população de rua

Abordagens contam com apoio da secretaria de Segurança e da Guarda Civil Municipal

Em reunião realizada na segunda-feira, 01 de março, representantes das secretarias de Assistência Social de Ubatuba e de Segurança Pública e Defesa Social, Guarda Civil Municipal, CREAS e Casa de Passagem discutiram estratégias e cronograma de ações em torno à população de rua.

Esse foi o segundo encontro entre as pastas e, agora, foi definido um cronograma fixo de abordagens semanais que serão realizadas todas as terças e quintas-feiras, durante o dia, com as participações do CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social – e da Casa de Passagem. Já as abordagens noturnas acontecerão quinzenalmente às quartas-feiras, a partir das 23 horas, com apoio da GCM.

Durante as abordagens, as equipes estarão com uma van que ficará disponível para o transporte de pessoas que não residam no município, de forma voluntária, para suas cidades de residência.

“Pretendemos em breve envolver também a secretaria de Saúde nesse trabalho, por meio do CREAD/CAPS-AD – Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas, já que há uma preocupação com os cuidados dessa população, marcada por questões como a dependência do álcool e outras drogas”, ressaltou Marcio Candido, secretário de Assistência Social. “Também vamos chamar em breve uma reunião aberta com a sociedade civil que já atua com a população de rua, para sincronizar as ações e organizar uma rede de apoio, proteção e retaguarda”, complementou.

Além de Candido, estiveram na reunião o secretário-adjunto, Anderson Paiva, bem como o secretário de Segurança, Edilson Ramos de Oliveira, a comandante da Guarda Civil Municipal, Patrícia Ferreira do Amaral, a coordenadora do CREAS – Marina Gregorio – e o coordenador da Casa de Passagem, Romerson de Oliveira.

Deixe uma resposta