Com medo de desabastecimento, motoristas correm aos postos do Litoral Norte

Atualizado: 09h53

Temendo a possível falta de combustível no Litoral Norte, por causa da manifestação na noite desta quarta-feira (08/09), deflagrada por grupos radicais que defendem o presidente Jair Bolsonaro, que estão concentrados no km 81 da Rodovia dos Tamoios no trecho de Caraguatatuba, motoristas estão formando filas em postos desde a madrugada desta quinta-feira (09/09), para abastecer os veículos. Na cidade de Ubatuba no bairro da Maranduba, um gerente de posto informou que já encerrou o atendimento por falto de combustível. Outros postos da cidade registram muita fila neste momento (Veja).

Também na cidade Ilhabela os motoristas já enfrentavam filas logo cedo para abastecer nos postos da cidade. (Veja).

Os motoristas também temem que, por causa da escassez de combustível, os preços subam. Na última paralisação dos caminhoneiros, ainda no governo de Michel Temer, houve enorme transtorno à população.

A principal reinvindicação dos manifestantes é o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF), que se tornou o principal alvo de ataque de Bolsonaro.

Deixe um comentário